Ultimas

No youtube

No youtube

ÚLTIMOS POSTS

26 junho 2019

[Resenha] Amor em jogo - Simone Elkeles

Compare e compreAdicione ao skoob
“Amor em jogo”; autora: Simone Elkeles; Editora Globo Livros; 360 páginas.
     Após aprontar uma pegadinha épica, Derek é expulso da escola e obrigado a se mudar para outra cidade com sua madrasta super jovem e seu meio irmão por quem tem um grande carinho.
     Mas a recepção lá não foi nada calorosa. Assim que chegou e foi ao galpão da nova casa, foi surpreendido por uma jovem um pouco desleixada, mas muito atraente que, surpresa por encontrar um estranho em seu território, crava um garfo no pé dele e o prende no galpão. Só quando a jovem, chamada Ash, volta para casa para pedir ajuda é que descobre que o sujeito que ela prendeu era, na verdade, seu “sobrinho”.
     A história se desenvolve sempre nessa intensidade, ambos com personalidades bem fortes e Derek com seu sarcasmo sempre afiado.
     Ash se tornou capitã do time de futebol americano de sua escola, o que a deixa extremamente animada, mas também muito preocupada com seu relacionamento, já que seu namorado desejava essa posição tanto quanto ela. O cenário de preconceito por ela ser uma mulher que joga futebol se apresenta, mas ela se mostra uma pessoa de garra e, apesar de ser sensível, ela encara com muita força de vontade.
    Derek também já foi um jogador excepcional, mas após um grande trauma, ele desistiu da profissão e passa guardar esse segredo também de Ash. Apesar deles perceberem que são muito diferentes um do outro, a atração que sentem é inegável e também o desejo de cuidar um do outro. Apesar disso, ambos se esforçam demais para se afastarem um do outro.

" - Não me deixe - murmuro no peito dele, tremendo descontroladamente. 
- Não vou deixar. - Os braços dele me envolvem, eu me sinto segura... longe do iceberg no meu sonho, da solidão no meu coração e da dor de perder todo mundo que já amei."

     A narrativa agrada pelo ritmo de desafios. O “mocinho” é bem petulante, sarcástico e com um ego enorme, que na verdade camufla o quanto ele é sensível. A “mocinha” faz o mesmo e isso é o que eles mais têm em comum. A trama é simples, mas bem agradável e diria até que tem um arzinho de “sessão da tarde” de filmes adolescentes, o público perfeito para esse livro.

21 junho 2019

[Look literário] #33 Jasmine - Aladdin


     Olá, pessoal!
     Como estamos no clima da estreia do live-action de Aladdin nos cinemas, nada melhor do que um look todo inspirado na princesa Jasmine! O novo filme já está em cartaz e traz no elenco Mena Massoud, como Aladdin, Will Smith no papel do gênio e a atriz escolhida para dar vida à princesa foi Naomi Scott.
   Antes de ser filha de um sultão, Jasmine é forte e determinada, ser princesa é mais um dos obstáculos com os quais ela precisa lidar para conseguir agir de acordo com os seus ideais e conquistar aquilo que mais deseja, ser livre. Com enorme desejo de tomar suas próprias decisões, a princesa se recusa a aceitar algum pretendente escolhido por seu pai e o motivo é nobre, Jasmine deseja se casar por amor e não por obrigação.










     Mesmo que a nova adaptação adicione mostre a personagem com um figurino mais colorido, é na paleta de cores da animação clássica de 1992 que decidi me inspirar para o visual 2019 da Jasmine. Escolhi uma calça jeans azul claro boot cut, que é parecido com o modelo flare, porém é mais ajustado ao corpo e não tem uma barra tão comprida.
    Na parte de cima, o cropped com estampa floral e kimono de renda deixam o look romântico, como a personalidade de Jasmine. Optei pela bolsa estilo saco em tom de vinho. Os acessórios dourados fazem parte do look original da personagem, então decidi manter a cor nos brincos, pulseira e sapatilhas.
     Espero que tenham gostado e até a próxima!


19 junho 2019

[Resenha] Cilada - Harlan Coben

Adicione ao Skoob ❤ Compre
“Cilada”; autor: Harlan Coben; Editora Arqueiro; 271 páginas.
     Dan Mercer é um rapaz que perdeu sua família e que a única pessoa mais próxima que tem é sua ex mulher e as crianças que ele ajuda em um clube. Sua vida não era exatamente perfeita, mas mudanças drásticas surgiram repentinamente quando ele foi envolvido em uma cilada que o levou para o lugar errado, sendo flagrado por Wendy, uma jornalista de um jornal sensacionalista que desmascarava pedófilos.
     Dan tentou argumentar que era inocente, mas Wendy havia feito uma preparação para pegá-lo no momento em que cometeria o ato, o momento em que entrou na casa para supostamente molestar uma garota de 13 anos. Tendo esses fatos em mãos, ficava difícil acreditar em sua inocência, mas mesmo assim, ela foi ao encontro dele quando, dias depois, ele a convidou para ir ao seu trailer onde ele provaria sua inocência.
     Wendy estava curiosa acima de tudo e decidiu ir. Mas teve poucos momentos de conversa com o sujeito antes de serem surpreendidos por tiros. Ela não teve tempo para raciocinar direito, se escondeu assim que ouviu o som do primeiro tiro e viu o corpo estendido de Dan no chão. Sem querer encarar o agressor, ela fugiu correndo o mais rápido que pode. Mas não sem antes identificar que o atirador era Ed Grayson, um dos pais inconformados que teve seu filho supostamente molestado.
    Dessa forma, Wendy pode imaginar que Grayson havia decidido fazer justiça com as próprias mãos. Mas como o sujeito estava usando máscara e ainda contava com uma advogada muito competente, Wendy não tinha como provar sua história, tendo que continuar sua busca por respostas, que talvez não sejam nada do que ela imagina.
“Muitas vezes na vida somos obrigados a fazer julgamentos que não gostaríamos de fazer. E queremos que sejam fáceis. Queremos confinar as pessoas em categorias bem definidas, anjos ou monstros, mas quase sempre o buraco é mais embaixo: a verdade está em algum lugar entre os dois extremos. E esse é o problema. Os extremos são bem mais fáceis.”
     Paralelamente a isso, outro caso se desenvolve. Haley McWaid é uma jovem de 17 anos que está desaparecida. Os pais da garota clamam por ajuda e Wendy, sendo mãe coruja, entende o sofrimento e acrescenta mais esse caso para desvendar. Mas conforme as pistas vão surgindo, a jornalista percebe que há uma grande ligação entre os dois casos e o suspense se intensifica. A busca por respostas se torna ainda mais frenética e a jornalista se torna uma investigadora ainda melhor que os profissionais da área.
     Não é só Dan que é envolvido em uma cilada, muitos outros personagens tem sua vida arruinada por alguém que está determinado a prejudicar todo aquele grupo de pessoas que possuem uma relação no passado. E agora esse sujeito não perdoa ninguém que tentar interferir também.
     A cada pista que surge torna ainda mais abrangente as possibilidades e mais o leitor fica confuso e curioso para desvendar todo o mistério. São muitos fatores envolvidos e, quando um se resolve, apenas afunila o caso para outro fato. E cada revelação é uma grande surpresa. O desfecho da história é o ápice do livro, o momento mais surpreendente. Só quando termina é que você percebe que estava o tempo todo prendendo o ar e que agora finalmente pode respirar.


16 junho 2019

[Resenha] Cartas de amor de Paris - Samatha Vérant

Adicione ao Skoob ❤ Compre
“Cartas de amor de Paris”; autora: Samantha Vérant; editora: Universo dos Livros; 285 páginas.
     Aos 19 anos a autora desse livro deu início a uma história de amor inusitada. O primeiro encontro dela com Jean-Luc, um encantador francês, não foi o motivo para que essa história precisasse ser contada, mas sim o reencontro deles e como tudo isso aconteceu.
   Ainda jovem, Samantha foi viajar para França com uma amiga. Lá, ambas encontram homens lindos, charmosos e muito cavalheiros. Elas se encantam, mas a química entre Samantha e Jean-Luc foi ainda mais forte. Porém, ao final da viagem, Sam sabia que poderia manter o relacionamento com seu francês, mas mesmo assim preferiu ir embora. Talvez essa decisão tenha sido influenciada pelo péssimo relacionamento que ela teve com o pai, o que deixou nela um certo trauma pelos homens.
     Vinte anos depois, ela se encontra casada, mas numa relação bem superficial. Com quase 40 anos de idade, ela sente uma necessidade de mudança em sua vida, mesmo achando que talvez seja tarde demais. Influenciada pela amiga que foi sua companhia na viagem à França, ela busca as cartas que ela havia recebido e guardado do Jean-Luc anos atrás. 7 no total. Todas extremamente lindas e românticas.
     Ao reler as cartas, o sentimento foi sendo resgatado. O desejo de sentir o que sentiu naquele tempo volta com força. De forma despretensiosa, ela resolve buscar pelo homem na internet. Após algumas tentativas, ela consegue encontrar o e-mail dele, um e-mail corporativo, mas mesmo isso não a impediu de seguir com o plano.
     A surpresa maior se deu quando foi respondida rapidamente por ele. Ela já estava em processo de divórcio e ter de volta as conversas com Jean-Luc aliviaram a situação pela qual estava passando de se separar, voltar a morar com os pais estando cheia de dívidas e ainda precisar se despedir de seu amado cachorro.
     As conversas foram evoluindo, aumentando a frequência. Ela descobriu que ele também estava se divorciando, tinha dois filhos lindos e continuava sendo um cara atencioso e romântico. Logo o pedido para se reencontrarem surgiu, mas a apreensão veio logo em seguida. E se ele não fosse mais o mesmo que era quando o conheceu há anos atrás? Bem, a aparência já não importava quando o coração estava apaixonado.
“Os franceses têm a reputação de serem os melhores amantes do mundo, o que não inclui apenas o ato físico do sexo, mas o pacote completo: a paixão, o romance, do começo ao fim. Jean-Luc certamente correspondia à reputação e ainda mais”.
     Parece loucura, parece coisa de novela, mas é uma história real e inspiradora. É uma história que prova que o amor verdadeiro existe sim, é único e está em algum lugar te esperando. A protagonista, ao resolver escrever o email pra ele, decidiu também complementar com o link de um blog que ela escreveu com apenas 7 posts, cada post representando uma das cartas que ele escreveu para ela, mas nesses posts ela contava sobre a história de amor que viveram. Óbvio que ela pensou que ele poderia ficar irritado em ser exposto, óbvio que ela tinha medo de ser rejeitada. Mas mesmo assim ela enfrentou os medos e arriscou. Quantas oportunidades incríveis nós já não perdemos até hoje por medo de arriscar?
  Esse blog que ela escreveu ainda está ativo e pode ser acessado por meio do link www.sevenloveletter.blogspot.com. Estou extremamente encantada por essa história e ainda estou suspirando por cada página lida. Nem é preciso dizer que tem um final feliz digno, não é? É maravilhoso!


15 junho 2019

Doação de livros do mês de junho/2019


     Olá, leitores!
     Vamos dar início agora a uma edição MARAVILHOSA do projeto. Uma das maiores listas que já trouxemos aqui, com uma diversidade incrível de gêneros de livros. Estou tão empolgada e espero que vocês fiquem muito felizes também. Vamos adotar livros?
    Não esqueçam de chamar os amigos para participarem também ;)

12 junho 2019

Sakurasou no Pet na Kanojo

Resultado de imagem para sakurasou no pet na kanojo

 

10 junho 2019

[Resenha] Essa luz tão brilhante

Adicione ao Skoob ❤ Compre
"Essa luz tão brilhante"; autora: Estelle Laure; Editora Arqueiro; 199 páginas.
     Lucille tem apenas 17 anos, mas precisará enfrentar responsabilidades enormes. O pai dela surtou e foi internado, a mãe, incomodada com essa situação, disse que precisava de “férias” e saiu sem dizer para onde ia e nunca mais voltou. Lucille tem uma irmãzinha mais nova chamada Wren e é por ela que a jovem cria forças para enfrentar essa situação complicada escondendo de todo mundo, afinal, se souberem, ambas vão para um orfanato e serão obrigadas a se separarem
    Por sorte Lucille tem Eden, uma amiga muito dedicada que a apoia e a ajuda em tudo que ela precisa, inclusive na missão de arrumar um emprego. Mas Eden tem um irmão que, de um tempo para cá, acabou despertando um olhar diferente em Lucille, o garoto encantador acabou se aproximando mais da jovem, por causa da situação difícil em que ela se envolveu, mas essa aproximação só causou mais certeza de que ela estava apaixonada pelo rapaz. Mas havia um problema enorme: ele é comprometido.
     Logo as duas irmãs começam a receber uma ajuda misteriosa que Wren intitulou de ser uma “ajuda de anjos”. Esses “anjos” limpavam a casa, o jardim e abasteciam os armários de comida e utensílios no geral. Um medo se instalou, mas ao mesmo tempo, uma gratidão enorme. Elas foram abandonadas, mas elas definitivamente não estavam sozinhas.
     A situação só piora com a paixão por Digby, irmão de Eden, aumentando. Acaba saindo do controle e, numa situação como essa, isso pode ser um deslize cruel.
“Todos aqueles beijos rodopiam dentro de mim, e sinceramente não sei se tudo que fiz com Digby me torna corajosa ou covarde. Qual das duas opções descreve você quando segue o seu coração?”
     O livro possui uma narrativa simples, contada dia após dia da partida da mãe. É possível sentir a complexidade da situação. Elas, de fato, precisam aguentar caladas, serem fortes, para que assim possam permanecer juntas. E não é nada fácil. As contas começam a vir, a saudade, o medo, a solidão. A protagonista demonstra toda sua força em cada página. Ambas são crianças, mas até mesmo a mais nova surpreende pela maturidade que demonstra perante essa situação. O medo não as para. O amor e a vontade de vencer é o que as motiva.
“Explique qual é o objetivo de viver se você não estiver disposta a lutar pelas verdades do seu coração, a correr o risco de se machucar.”
     O desfecho do livro me incomodou um pouco por ainda deixar várias pontas soltas. Algumas perguntas não são respondidas, alguns mistérios não são solucionados, mas mesmo assim é uma história que ganhou muito meu carinho. Pela força da protagonista e pela sensibilidade em que uma problemática como essa é relatada. A mensagem deixada é que o amor é a luz mais brilhante do mundo, a motivação, e essa mensagem foi sentida em cada página descrita nesse livro.

08 junho 2019

Nanatsu no Taizai - Nakaba Suzuki

Resultado de imagem para nanatsu no taizai

Imagem relacionadaNanatsu no Taizai ( Sete Pecados Capitais), é uma adaptação do mangá escrito e ilustrado por Nakaba Suzuki. Começou a ser serializada na revista Weekly Shōnen Magazine da Kodansha em outubro de 2012, (299 capítulos) tankōbon lançados até agora (08/02/2019). O mangá apresenta um cenário semelhante ao da Idade Média Europeia, com um grupo principal de cavaleiros que representam os sete pecados capitais.

Em janeiro de 2015, o mangá Nanatsu no Taizai vendeu mais de dez milhões de cópias. O anime foi produzido pelo estúdio A-1 Pictures e foi transmitido no Japão na JNN e MBS entre 5 de outubro de 2014 até 29 de março de 2015. No Brasil o mangá é publicado pela Editora JBC desde março de 2015 em versão impressa, posteriormente, a JBC também iniciou a publicação do mangá em volumes no formato digital (e-books) e em capítulos simultâneos com o Japão . Em setembro de 2015 o anime foi lançado no catálogo da Netflix no Brasil e em Portugal. O mangá é também conhecido como The Seven Deadly Sins no Ocidente nos países de lingua inglesa.

Resultado de imagem para nanatsu no taizai

Enredo
Os Sete Pecados Capitais são um grupo de cavaleiros que vivem na região de Britânia, mas se separaram, depois de serem acusados de tentar derrubar o Reino de Liones. Sua suposta derrota chegou pelas mãos dos Cavaleiros Sagrados, mas os rumores que eles ainda estavam vivos, continuaram a persistir. Dez anos depois, os Cavaleiros Sagrados encenaram um golpe de Estado e capturaram o Rei, tornando-se os novos governantes tiranos do Reino. A terceira princesa, Elizabeth, começou uma jornada para encontrar os Sete Pecados Capitais, para conseguir sua ajuda e retomar novamente seu Reino.


Critica
Imagem relacionadaO problema do anime é ele ser só um tequinho rushado, sim ele é bom, tem umas partes "tiltantes" pois as vezes o protagonista é babaca, ou aquele boneco doente faz merda, ou até mesmo o porco é irritante pra caramba, mas a história é muito boa porém, mesmo o protagonista sendo o mais forte e tudo mais deveria ser passado um pouco mais o ponto único do personagem, se for medir comparando com outros, é quase a mesma coisa que bleach ou naruto por exemplo, só que com nível de poder diferente, mas como eu disse, não deixa de ser bom e ainda mais, VAI TER OUTRA TEMPORADA!!! <3 

Status
Autor: 
Mangás: atualmente com 35 mangás e ainda em publicação no Japão 
Classificação etária: 14 anos
 
Copyright © 2013 Estante da Josy
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates