Ultimas

23 julho 2019

[Resenha] Você (não) é o homem da minha vida - Alexandra Potter

Adicione ao Skoob ❤ Compre
“Você (não) é o homem da minha vida”; autora: Alexandra Potter; Editora Record; 447 páginas.
“Se, por algum milagre, você for uma das pessoas privilegiadas e encontrar a sua cara metade, o que quer que você faça, não a deixe escapar. Isso não acontece duas vezes. Almas gêmeas não são como ônibus, não vai passar outra daqui a pouco. É por isso que se diz que só há uma, gêmea. Caso contrário, teríamos almas trigêmeas, quadrigêmeas, e por aí vai”.
     Lucy encontrou Nate, sua alma gêmea, durante um intercâmbio na Itália. Próximo da viagem acabar, o desespero da separação toma o casal, mas ao passar por um senhor que vendia lembrancinhas, foram informados sobre a “Ponte dos suspiros” que guardava uma antiga lenda que dizia que o casal que se beijasse quando passasse por ela, ficariam unidos para sempre. Sem pestanejar, eles correram para o local. Mesmo sendo uma lenda, o casal apaixonado se apega acreditando nessa força.
     Logo depois eles precisaram fazem o indesejado retorno, cada um para seu país e firmaram a promessa de um relacionamento a distância que infelizmente não deu certo. Após algum tempo, Nate liga para informar a Lucy que está apaixonado por outra mulher e que precisa terminar.
     Apesar do rompimento, Lucy jamais deixa de acreditar que Nate era sua alma gêmea e que o havia perdido. Ele teve outros relacionamentos que nunca se compararam a magia que teve com Nathaniel. Mas talvez por obra do destino, ao acaso, eles se reencontram novamente e é como se não houvesse passado dez anos, eles pareciam ser ainda os mesmos. Nate estava se divorciando e parecia radiante de ter reencontrado Lucy, que não precisamos dizer o quanto ficou feliz.
     Porém, eles estavam enganados, eles não eram mais os mesmos que se apaixonaram em Veneza. Nate mudou muito seus hábitos, deixou de tomar café e carboidratos, passou a ter uma rotina de exercícios e um emprego que ocupava quase todo o tempo de sua vida. Então Lucy foi obrigada a aceitar que ele não era o amor de sua vida, afinal. Mas o que ela não esperava é que a lenda não deixaria isso tão fácil. E se livrar de sua “alma gêmea” se tornou uma tarefa impossível. O destino parecia conspirar em mantê-los juntos. Coincidências demais para serem realmente coincidências começaram a acontecer com frequência.
    Mas o problema principal é que Lucy talvez tenha realmente encontrado o amor de sua vida durante uma exposição de artes, sua maior paixão e muito provavelmente não possa ficar com ele porque uma maldita lenda ainda a prende ao traste do ex namorado. Se livrar dessa situação se torna sua missão e ela encara qualquer coisa, até mesmo os feitiços que sua melhor amiga recomenda.
     O livro é cheio de ensinamentos divertidos, personagens engraçados e cativantes e uma história cheia de misticismo de uma forma bem leve. Quantas vezes tomamos decisões precipitadas? Quantas vezes achamos que era o príncipe encantado quando na verdade era o sapo? Lucy teve que aprender reconhecer isso da forma mais difícil e desafiadora possível, o que nos rende uma aventura fora do normal com um humor maravilhoso e uma história de amor de suspirar.
Como eu disse, o livro me rendeu boas frases, então decidi separar e trazer para vocês algumas delas:
“Acredito que nunca se é velho demais para aprender. É aí que você envelhece: quando para de se fascinar pelas coisas, não quer mais aprender e explorar..."
“Se ao menos os homens fossem como os táxis de Nova York e tivessem uma luzinha que pudessem acender quando estivessem interessados e apagar quando não estivessem disponíveis.”
“A vida pode mudar num piscar de olhos. Tudo o que você tem é o agora. Então nunca deixe para contar depois o que sente por alguém, não suponha que ele sabe, porque pode não saber, e depois pode ser tarde demais.”
“Acho que o que eu quero dizer é que muitas pessoas perdem a oportunidade do verdadeiro amor por estarem ocupadas demais esperando a lama gêmea aparecer, essa figura ilusória que deve completa-las, mas provavelmente nem existe. À espera de um sinal que indique “É este”.”

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Estante da Josy
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates