Ultimas

04 fevereiro 2019

[Resenha] O lado feio do amor - Colleen Hoover

Adicione ao skoob ♥ Compare e compre ♥
     O livro tem duas histórias sendo contadas de forma intercalada, na qual um capítulo é sobre o Miles no presente e o outro é dele no passado, 6 anos antes. Esse passado doloroso que vai sendo narrado aos poucos é o que tornou desse homem uma pessoa mais fria, que não quer sentir o amor, por medo, por trauma.
     Nesse passado, ele conheceu a Rachel. Se apaixonou por ela assim que a viu e a partir daquele momento tudo se tornou poesia e o livro começa a ser narrado por ele nessa estrutura quando se refere a esse período de tempo.
     Entretanto, no presente, percebemos que algo deu muito errado no passado. Tate, irmã de Colin, encontra Miles desmaiado em frente a porta do irmão. Pensando se tratar de um bêbado qualquer, ela tenta se esquivar e se livrar dele, mas logo descobre que o homem jogado ali, é um grande amigo de Colin.
     Essa aproximação causou algo em Tate que logo se viu atraída e, ao notar que era recíproco, ela se apaixonou. Mas antes que ela pudesse começar a sonhar com esse relacionamento, ele colocou duas regras que a fez descer das nuvens imediatamente: “Não perguntar a ele sobre o passado dele e nem esperar dele um futuro”.
“O amor nem sempre é bonito, Tate. Às vezes você passa o tempo inteiro desejando que um dia ele mude. Que melhore. E aí, antes que perceba, você já voltou para a estaca zero e perdeu o seu coração em algum lugar no meio do caminho”.
     O relacionamento deles se tornou algo apenas casual, mas mesmo sabendo disso, Tate não conseguiu evitar de se apaixonar, de criar esperanças. E apesar de todo comportamento hostil de Miles, Tate nunca desistia dele, até que ele desistiu primeiro. Ela, que muito acreditou, finalmente aceitou que estava fadado ao fracasso e aceitou o fim. E essa perda fez com que Miles acordasse e concordasse em voltar ao passado para resolver as pontas soltas. E essa viagem acaba sendo mais esclarecedora do que imaginava.
“Talvez seja um pedaço de cada vez, mas agora o meu passado é seu. Todo ele. Tudo o que quiser saber, vou lhe contar. Mas só se me prometer que posso ficar com o seu futuro também”.
     O orgulho é sempre o que mais atrapalha os casais e isso é o que afeta o Miles e a Tate, mas há um verdadeiro anjo da guarda olhando por eles, sempre dando os melhores conselhos. Cap é um dos típicos senhores que ganham mais sabedoria com o tempo e que faz o que pode para transmitir esse conhecimento aos mais jovens. E Miles realmente aprendeu muita coisa.
     A narrativa instiga muito mais na parte do passado, quando os acontecimentos vão ganhando mais intensidade e aumenta a curiosidade para saber como tudo acabou drasticamente e a emoção do momento é intensa. É compreensível que a dor dele o tenha afetado tanto e é possível sentir esse sentimento pelas páginas.
     É um livro forte, que trata de assuntos fortes, mas com uma leveza que atraí e cativa. Ao final pode ser recebida a mensagem de que o amor nem sempre é bonito, pode ser difícil, feio e doloroso, mas mesmo assim, mesmo com todo esse lado feio, não vale a pena desistir dele. O amor tem os dois lados, mas com certeza o lado bonito sempre vence o feio.
“Mas no segundo em que ela abriu os olhos e olhou para mim, eu soube de uma coisa: ou ela seria a minha morte... ou a pessoa que finalmente me faria ressuscitar”.

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Estante da Josy
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates