Ultimas

03 fevereiro 2019

"A lista negra" de Jennifer Brown é relançado com o nome "A lista do ódio", entenda o motivo


     Há poucos dias eu trouxe aqui no blog a resenha desse livro que me causou tanta euforia. É um livro com uma temática bem séria, mas contado de forma envolvente. Como eu mencionei na resenha, “A lista negra” tem um relato parecido com o Massacre do Colégio Columbine, onde ambos envolvem o bullying como ponto de partida para iniciar o crime. Se você ainda não leu a resenha, clique aqui para ler.

     Exatamente por ter essa temática tão polêmica, a Editora Gutemberg (que publicou o livro aqui no Brasil) estava prestes a relançar o livro com um conto inédito quando notaram a necessidade de debater o nome do livro. Eles perceberam que existe um adjetivo pejorativo no título que não havia tido tanta atenção antes, mas agora recebeu uma preocupação dos profissionais. Em respeito a raça, eles decidiram mudar o nome para “A lista do ódio”, que funciona tão bem quanto o anterior.
“A troca do título veio do estudo do uso da palavra negro em inúmeras expressões como algo  pejorativo e/ou prejudicial - que é o caso de a lista negra.  Por nos darmos conta do racismo linguistico que ainda existe em nossa língua, nos propusemos a mudar o título, o que nos trouxe também para uma tradução mais fiel ao original The hate list = A lista do ódio”. – declara a editora em sua página no facebook.
     Eles ainda afirmam que a história é a mesma, só tem essa pequena alteração e o acréscimo do conto mencionado acima.
A nota oficial da Editora Gutemberg pode ser visualizada no link: https://bit.ly/2GjCf2Q

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Estante da Josy
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates