[Série] #38 Jane the Virgin


Imagem relacionada      “Jane the virgin” (Jane, a virgem) é uma série americana lançada pela The CW Television Network no ano de 2014. Ela conta com 4 temporadas com cerca de 20 episódios cada uma com aproximadamente 40 minutos. A última, lançada em 2018, traz o desfecho da série em apenas 17 episódios.
Resultado de imagem para jane the virgin gifs     Jane Villanueva (Gina Rodriguez) é uma jovem que “decidiu esperar”. Ela é noiva de Michael, um policial apaixonado pela profissão e por sua futura esposa e, por isso, respeita a decisão da jovem. Mas tudo muda quando Jane é acidentalmente inseminada artificialmente por engano por Luiza, uma médica que estava passando por algumas turbulências emocionais no momento. E Luísa é irmã de Rafael, o dono do esperma e também chefe do hotel onde Jane trabalha.
     Jane e Rafael já se conheciam, rolou um “momento” entre eles que não deu em nada, mas agora, unidos pelo acaso, eles acreditam que pode ser uma peça do destino dizendo a eles que devem ficar juntos.
     Mas Rafael também já é noivo. Sua noiva é a Petra. Rafael não pode ter filhos, por isso tem seu esperma no banco. A inseminação deveria ter sido em Petra, sua noiva. Mas como acabei de dizer, acabou sendo na Jane.

     Como se a confusão já não fosse muita, outra coisa grande acontece na vida de Jane: ela conhece finalmente quem é seu pai. E pior, ele não é uma pessoa comum, ele é simplesmente um dos maiores atores de novela! Rogelio de la Veja, interpretado por Jamie Camil, é um dos meus personagens preferidos. Ele tem as características de personagem de novela mexicana, as quais a gente sabe que ele faz muito bem (“Feia mais bela”, “Que pobres tão ricos” e muito mais). Essa personalidade dele se mantém na trama, o que a torna muito mais divertida.
     Toda essa gente se relaciona de alguma forma, sempre trazendo mais dramas e acontecimentos hilários. Os episódios têm um narrador no início e a trama tem um jeito irreverente, quase único, de ter a história contada. Possui elementos como os pensamentos da protagonista ganhando vida, trilhas e efeitos sonoros interessantes e muitos elementos que nos remetem as novelas mexicanas.
Resultado de imagem para jane the virgin gifs     Jane é garçonete no hotel, mas também é uma aspirante a escritora. Ela é apaixonada por literatura, em especial por livros de romance. Ela é, inclusive, muito romântica e sonha em viver o seu conto de fadas. Ela está sempre comparando isso. O fato do pé levantar ao beijo ou o fato de nevar enquanto beija podem ser sinais para ela de que encontrou o amor da sua vida. Ela é muito madura, com uma personalidade forte, mas ao mesmo tempo é bem moleca e se atrapalha com o rumo que sua vida tomou.
     Quando Mateo nasce, Jane precisa aprender a administrar melhor seus sentimentos. Sua vida está totalmente diferente do que imaginou. Há triângulos amorosos, decisões precipitadas e muitas decepções. E é dessa forma que ela percebe que na vida real as coisas são bem diferentes.
Resultado de imagem para jane the virgin gifs
     Outra coisa bem cativante na série é a bela relação da Jane com sua mãe e sua avó. Sua vó é quem a fez realizar a promessa de que se manteria virgem até o casamento. Na ocasião, ela deu a Jane uma flor – quando ela ainda era criança – e disse para ela a amassar. Depois disso, pediu para que a deixasse bonita de novo e, quando Jane tentou sem sucesso, a senhora disse que uma vez feito, não tem como consertar. Com a flor emoldurada na parede, Jane seguiu cumprindo a promessa que fez a sua avó.
     Enquanto isso Siomara, mãe de Jane, é a “espoleta” desde criança. Ela age como uma adolescente, com bebedeiras, roupas curtas e saindo com caras. Isso até reencontrar Rogelio, que traz com ele lembranças maravilhosas e faz o coração da Sio perder o controle. Porém, as circunstâncias mudaram. Isso pode ser benéfico – ou não.
     Esses são apenas os personagens principais, mas muitos outros surgem para dar mais drama a história. Até mesmo um suspense é inserido com uma chefe do crime, intitulada "Sin rosto", que está entre eles cometendo uma série de assassinatos. Michael está investigando o caso e outro personagem - citado aqui - está envolvido emocionalmente com o criminoso. Esse tipo de coisa, comum em novelas mexicanas, está bem presente na história também. Pessoas que a gente descobre ser quem não é e muitas outras surpresas do tipo.
     A personalidade de cada um deles é o que mais cativa. A história tem vários clichês, mas eles são tão bem trabalhados que só nos conquista ainda mais. Confesso que me surpreendi demais com a trama e que essa série se tornou umas das minhas preferidas. O modo como ela é narrada, o relacionamento entre as mulheres Villanueva e o romance... Ah, é sem dúvidas o meu tipo de história preferida.
Resultado de imagem para jane the virgin gifs
     A série já foi muito premiada. Em 2015 recebeu o Prêmio Peadbody, Prêmio Globo de Outro indicando Gina Rodriguez como melhor atriz e o Preople’s Choice Award: Nova Série Cômica. E em 2018 Gina Rodriguez novamente foi a responsável pela conquista do Teen Choice Awad: Melhor atriz de série, juntamente com Jaime Camil, como melhor ator de série.


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Template desenvolvido por Bruna Borges © Todos os direitos reservados - Powered By Blogger