[Série] #35 Everyting Sucks - Netflix

            Procurando uma série rapidinha para maratonar nesse final de semana? A pedida perfeita é a produção Everything Sucks. Com episódios bem curtinhos e uma história bem bacana a trama tem sido bem avaliada pela crítica.
            Original da Netflix, a série foi lançada em fevereiro, e é situada na cidade de Boring, nos Estados Unidos em 1996. Inicialmente a trama pode soar como algo meio genérico pela sua temática. Mas posso afirmar que se trata de algo bem interessante e me conquistou logo no episódio piloto.
            A trama gira em torno de três amigos. Liderados por Luke (Jahi Di’Allo Winston), eles são apaixonados pelo universo audiovisual e logo que entram na escola nova, já se juntam ao clube na escola. Lá eles acabam conhecendo Kate (Peyton Kennedy) que é filha do diretor da escola. Logo de início, Luke se apaixona pela menina.

            Kate vive um conflito interno muito intenso. Ela esconde dos amigos e do pai que está passando por descobertas em relação a sua opção sexual. Essa abordagem que a série tem sobre o tema, inclusive, é algo bem interessante e bem trabalhada.
            A confusão se estala no clube de audiovisual quando eles se metem em confusão com o grupo de teatro, e deste encontro muitas coisas boas acontecem.
            Trata-se de uma produção nostálgica, daquelas que prende quem está assistindo pela maneira como é bem conduzida. Além de referências a produções recentes como Stranger Things, as gírias e o figurino dão o ar necessário para ambientar a proposta da série.
            Outro ponto alto é a trilha sonora. Para embalar os corações partidos que são rotineiros da adolescência, temos um repertório que vai de Alanis Morisette a Oasis.
Everyting Sucks
            Espero que tenham gostado da dica. Até a próxima!


Nenhum comentário :

Postar um comentário