[Resenha] A poção perdida - Amy Alward

Compare e compreAdicione ao skoob
     “A poção perdida”; autora: Amy Alward; editora: Jangada; 435 páginas.
     Nessa mágica continuação da trilogia “Diário de uma garota alquimista”, Samantha Kemi se envolve em uma nova aventura, dessa vez, para tentar salvar a vida de seu amado avô e ajudar a princesa novamente. Tudo acontece ao mesmo tempo, Samantha se prepara para uma viagem com a Princesa Evelyn, que se tornou sua grande amiga, e tem seu relacionamento com Zain se intensificando. Tudo parece estar indo bem até que a pressão para a princesa se casar aumenta, e para piorar, seu avô Ostanes é envenenado, perdendo totalmente sua memória.

     A única coisa que pode salvá-lo é uma poção chamada “Acqua Vitae”, a poção mais poderosa do mundo. O problema é que, além dela ser muito perigosa, ninguém sabe como ela é feita. Somente a bisavô de Sam, a Grande Mestre Cléo Kemi, conseguiu preparar essa poção e para seguir os passos que ela deu, o jeito era conseguir o diário de poções dela. Determinada, Sam parte para uma perigosa caçada. Por ser uma garota forte e destemida, ela não está preocupada com nada além de salvar quem ama, mesmo que tenha que lutar com centauros e dragões.
     Mesmo ela contando com a ajuda de seus amigos, ela precisa se preocupar com Emília, a tia do mal da Princesa Evelyn, que fugiu da prisão e está em busca da mesma coisa. Isso sem contar os fóruns na internet que discutem a vida dela e da realeza, o que acaba gerando aquelas falsas notícias e comentários maldosos.
     Assim como o anterior, o livro é dosado corretamente em todas as questões: aventura, amor e amizade. Tem uma escrita deliciosa e uma diagramação bem agradável. Sem falar na capa que, mais uma vez, é um arraso.
      No final da trama há uma deixa para uma nova aventura que será o grande desfecho dessa história incrível. Eu já estou muito ansiosa.




Nenhum comentário :

Postar um comentário