[Poemas] #2 - Miro ao longe



     Este poema aborda assunto semelhante ao anterior. Pois, o escritor relata a paixão latente de um homem por sua amada, em que ele descreve suas qualidades com detalhes e fica perdido em seus sentimentos ao encontrá-la.⁠⁠⁠⁠




Miro ao longe
Miro ao longe uma garota
Aparentemente bela, formosa
Rosto desenhado, sorriso de lado a lado
Ansioso fico para ver-te
Meu coração forte bate
De repente...
De perto vislumbro-te
Então, deleito-me em teus perfumes
E maravilho-me com tua beleza
Alegro-me com teu sorriso
Raridade és...
Teus cabelos ruivos
Vermelho como carmesim
Cor de sangue
Forte, marcante
Em seu rosto, luz
Seus olhos azuis

Nenhum comentário :

Postar um comentário