[Resenha] Veronika decide morrer - Paulo Coelho

Resultado de imagem para Veronika decide morrerOlá leitores! Tudo bem? Hoje em minha resenha trago novamente um livro do Paulo Coelho. “Veronika decide morrer”, não é o livro mais conhecido do autor, mas tem uma história muito interessante.
O enredo central do livro é entorno da eslovena Veronika. A jovem de 24 anos parece ter tudo funcionando muito bem em sua vida. Juventude, beleza, um bom trabalho, uma família cuidadosa, pretendentes, não foram suficientes para satisfazer por completo à eslovena. Ela não entende porque não se encaixa apesar de ter uma vida comum e feliz, as coisas não parecem certas. Falta algo e a jovem não consegue descobrir, e isso a incomoda. Ela não consegue mais viver assim.
Então resolve alugar um quarto, e por fim em sua vida no dia 11 de novembro de 1997. Tomando muitos comprimidos, Veronika espera dormir para sempre. Mas, não é isso que acontece.
A jovem não realiza sua vontade e acorda no Sanatório Villete, lugar este de onde ninguém nunca tinha conseguido fugir. O médico que a atende lhe dá uma informação que tinha tudo para deixar a moça satisfeita: restavam-lhe apenas alguns dias de vida.

Mas algo mudou em Veronika desde sua experiência de suicídio. Os sentimentos que lhe estavam confusos mudam e é ela não reconhece mais suas antigas vontades.
A jovem então resolva passar os dias que lhe restam e acaba se envolvendo emocionalmente com os outros pacientes do Sanatório. Acaba se sentido atraída por um dos internos. Eduard, um jovem esquizofrênico acaba sendo um companheiro inseparável da jovem, nesses que de acordo com o médico, seriam seus últimos dias.
Esta obra trata de um tema bem complicado: o suicídio. E a maneira como o autor aborda o assunto transforma o livro em algo bem agradável de ser lido. Com um final bem interessante, o leitor pode esperar mais uma bonita história, como já é costume nos livros de Paulo Coelho.
Apesar de a obra abordar um tema pesado, o autor consegue deixar leve, e isso é um dos pontos altos do livro. “Veronika decide morrer”, levanta questões no leitor muito importantes, como o valor da vida, a maneira como a encaramos, e como tudo isso pode mudar quando nos vemos com os dias contados.
Mais que um livro de auto- ajuda, o livro permite ao leitor levantar seus próprios questionamentos sobre o assunto e ainda conhecer essa jovem cheia de dúvidas que precisa decidir como encarar as dificuldades da vida.
Bom meus queridos, fico por aqui! Até a próxima resenha!

“Quando conseguiu quase tudo o que desejava na vida, chegou à conclusão de que a sua existência não tinha sentido, porque todos os dias eram iguais. E decidira morrer.”

“ – O seu coração foi irremediavelmente afetado. E vai deixar de bater em breve.”

Nenhum comentário :

Postar um comentário