[Resenha] Desventuras de um garoto nada comum - Rachel Renée Russell

Resultado de imagem para desventura de um garoto(Desventuras de um garoto nada comum • O herói do armário; autora: Rachel Renée Russell; Editora: Verus; 302 páginas)
Nessa nova série de livros, a autora, que também escreveu a série “Diário de uma garota nada popular”, foca nas aventuras de um menino que, como sua personagem da série anterior, não é popular, mas é muito criativo. Com um humor cativante já conhecido da autora, ela trás nessa sua nova série de livros “Desventuras de um garoto nada comum”, as maiores aventuras que Max Crumbly, o protagonista nada comum, jura ter.
Segundo uma amiga minha, a autora "tem um senso de humor de sessão da tarde delícia", acrescento essa opinião dela pois concordo completamente. Um humor leve, natural. Algo que pode ser lido por qualquer público e qualquer público entende e se diverte.

Nesse primeiro volume, intitulado “O heróis do armário” é apresentado novamente o cenário na escola, o local onde Max tem seus maiores sofrimentos, mas também a suas maiores aventuras. Da mesma forma que Nikki. Inclusive também tem que lidar com aqueles colegas de classe que não são muito amigáveis. Nikki tinha MacKenzie como a vilã de sua história em “Diário de uma garota nada popular” e Max tem de enfrenar Tora que é o valentão da turma e que implica sempre com o garoto trancando-o em seu próprio armário. Apesar de ser uma coisa muito chata e desconfortável, é ali no armário que toda a aventura começa. Max foi trancado novamente dentro de seu armário em plena véspera de feriado prolongado, ou seja, todos já tinham ido embora e demorariam dias para voltar! Ele não conseguiria ficar ali por todo esse tempo, principalmente porque ele precisava urgentemente de um banheiro! Em uma tentativa desesperada para sair de lá, conseguiu abrir o armário pelos fundos, o buraco abriu passagem para as tubulações de ar do colégio, onde conseguia acesso a qualquer lugar do prédio. Quando estava prestes a fugir de lá, ele dá de cara com uma situação que, ele como um garoto corajoso como é, não podia ignorar: tinha ladrões prestes a roubar o colégio!
"É sempre mais fácil ignorar um problema e não fazer nada quando se está morrendo de medo" pág. 174
Das mais variadas formas loucas, Max acaba incorporando um herói para salvar o colégio e ainda de bônus, ficar popular, claro. Mas ele é tão atrapalhado... Será que ele consegue?

Nenhum comentário :

Postar um comentário