[Resenha] Em nome del Rei - A batalha de Alcácer-Quibir - Daniel Vilela

"Em nome del Rei - A batalha de Alcácer-Quibir" (Autor: Daniel Vilela; Editora Giostri; 98 páginas) A história se passa no ano de 1578 quando aconteceu a batalha de Alcácer Quibir, inclusive toda a história se passa com esse cenário. Toda a trama envolve todas as guerras da época de uma forma intensa. Uma aventura literalmente espirituosa.
 Lourenço é amigo e guia espiritual de Abelardo, mas mesmo assim ele tinha uma vida diferente do que deveria ser, frequentava meretrícios, seduzia donzelas. E passou a cultivar uma estranha e nebulosa intuição. Abelardo e Lourenço possuem um passado de grande cumplicidade que os aproximaram e fizeram deles grandes amigos. Mas em um determinado momento eles se dispensam. Abelardo se torna um cavaleiro da Ordem Oculta com o interesse de proteger a Igreja, sacerdotes e missionários, além de assassinar pagãos e protestantes. Entre suas missões surge a de ajudar o rei Sebastião a restaurar o poder de Mulei Mohammed. Abelardo parte para a batalha enquanto Lourenço firma uma busca para reencontrar seu amigo. Entre flashbacks vai esclarecendo os motivos da aproximação dos dois e da fé que os levam adiante.

"Um reino cristão perderá seu líder e muito sangue será derramado nestas terras. E isto é bom!"
Toda a história é firmada sobre o Império cristão de uma forma tão bem descrita que podemos nos sentir como se estivéssemos vivenciando aquela aventura. O autor do livro, além de escritor, é historiador, o que nos aproxima ainda mais dos fatos, torna-os tão reais. Apesar de ser uma ficção, ela é fundada da história real com muita base dela, inclusive. Confesso que é uma leitura mais complexa para mim que não estou acostumada, precisei pesquisar um pouco sobre a batalha que antes eu desconhecia e fiquei impressionada com tamanho realismo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário